sexta-feira, 18 de maio de 2018

Faça por amor, Não por Warcraft (Make love not Warcraft) - Review

O episódio "Faça por amor, não por Warcraft ou Make love not Warcraft (Temporada 10, Episódio 08) é um dos episódios mais adorados pelos fãs de South Park, Realmente esse é um dos episódios mais engraçados, senão o mais engraçado da série! Tudo isso porque os criadores de South park decidiram fazer justamente um episódio com um dos jogos mais jogados em todo mundo, o "Warcraft". Para quem não sabe O Universo Warcraft é uma dimensão ficcional, descrita por uma série de jogos e livros publicados pela Blizzard Entertainment e foi apresentado inicialmente pelo jogo Warcraft:Orcs & Humans no ano de 1994.


Tudo começa quando os garotos se encontram para jogar o game, esperando o Cartman que está dando uma bela de uma cagada. Logo quando ele aparece o pessoal decide começar a sua aventura pelo Mundo de World of Warcraft. Isso não dura muito tempo, pois enquanto estavam caminhando pela estrada, aparece um player muito avançado e começa a matar todos os players que ele vê pela frente sem dó nem piedade. 

FILHO DA PUTA! 

Este player, decide matar todos os jogadores do game, e como ele está em um nível muito avançado, basta um simples golpe para que ele mate qualquer jogador. As artimanhas desse serial killer, gerou uma grande preocupação para os criadores do game, e, que se ninguém parasse esse player, o futuro de World of Warcraft poderia chegar ao fim, pois muitas pessoas estavam parando de jogar por causa desse player fdpt que não para de matar todo mundo. 

Certo dia, Cartman decide fazer um plano para tentar destruir o matador, então ele reúne as crianças da cidade, para se juntarem e travar uma batalha contra o maléfico destruidor.


Claro que todo o esforço foi em vão, e todos foram brutalmente aniquilados. Todos já tinham até desistido da idéia de jogar o game novamente, mas, o Cartman com sua força de vontade decide colocar em prática mais um último plano para destruí-lo, passar dia e noite matando javalis para chegar a um nível avançado e assim podendo enfrentar o player do mau.


Após passarem dias e dias treinando e evoluindo, então eles acharam que já poderiam enfrentar o outro jogador, tudo isso está sendo observado pelos criadores do game, eles falam que os 4 garotos estão muito bem evoluídos, mas que a unica maneira de matar o oponente seria usando a espada mais poderosa do jogo que estaria trancada atrás de 7 chaves (um pendrive). Logo fica a questão de como iriam entregar a espada, foram na casa do Stan para ver se estavam ali, mas sem sucesso. Logo, ficaram pensando como fariam para levar a espada aos garotos, é aí que entra Randy Marsh que diz jogar o game também e que poderia levar a espada até eles, os criadores ficaram com receio em dar a espada a um novato mas, eles não tinham escolha! 

Então, Randy se logou ao game, procurou os 4 muleques e levou a espada a eles, chegando lá ele entregou a espada ao seu filho Stan.


Após Stan receber a espada mais poderosa do game, eles finalmente conseguiram destruir o escudo do FDPT, assim podendo aplicar vários golpes, o que resultou na morte dele e o fim das suas mortes, o que fez os outros jogadores aparecerem e comemorarem a vitória do Cartman, Kyle, Stan e Kenny.

Bom pessoal, espero que vocês gostem dessa minha primeira análise de episódios de South Park, claro quer eu não contei tudo detalhadamente, pois qual graça teria contar sem qque vocês assistam, assim dando vários spoilers.

Para quem quiser assistir deixarei aqui todos os caminhos para que possam fazer isso! 

terça-feira, 15 de maio de 2018

Como sugerir episódios aos criadores de South Park?

Você sabia que tem como sugerir episódios de novas temporadas no fórum oficial de South Park? Bom, eu também não sabia, mas no fórum oficial existe uma aba lá onde vocês poderão sugerir novos roteiros de episódios para os criadores de South Park.


Vou deixar aqui o link do fórum oficial de South Park, que está em inglês APENAS! Bom, não sabemos se realmente é verdade de que eles tiram algumas idéias de lá, mas pesquisando em alguns sites gringos, o pessoal diz que trey e matt filtram sim algumas idéias que eles acham sensacionais, e reproduzem como episódio!

Não custa tentar né? Seria legal se eles levassem em consideração uma ideia dada por um Brasileiro! Vou deixar aqui o link pra vocês! 


quinta-feira, 3 de maio de 2018

Novos colecionáveis de South Park com preço acessível para todos!

Bom dia galera, hoje venho trazer para todos vocês uma ótima novidade que surgiu para todos nós fãs de South Park! Nós fizemos parceria com uma loja que cria e vende action figures exclusivos de South Park! Eles fazem o Cartman, kyle, Stan, Kenny e Butters! E o melhor de tudo, o preço desses bonecos estão super baratos!


Então, vamos ao que interessa! O nome da loja é Marte Michama, essa loja é nova no ramo e a sua dona cria todos os action figures 1 por 1 a mão, e todos saem com uma qualidade ótima, é só olhar a imagem acima que verão como são lindos! Agora vamos falar um pouco mais dos marcianinhos de South Park!

Os Marcianinhos são feitos a mão com massa para biscuit, tem 8 cm (MINI MARCIANINHOS TEM ATE 4 CM) e são muitos fofos!
Se desejar saber mais sobre o material utilizado e outras coisas, você pode ler isso em "Nossos produtos"!



TEMPO PARA PREPARAR O PEDIDO
Os Marcianinhos tem prazo de 10 dias úteis para serem enviados (precisando de mais dias se o pedido for maior do que 6 unidades) podendo ser enviado antes de 10 dias, mas não em menos de 4 dias já que este é o tempo que leva para a massa secar completamente.

FRETE
Infelizmente, por conta dos últimos ajustes que os correios fizeram sobre os valores de envio, que variam de 8% a 51% (dependendo da região), não podemos oferecer mais frete grátis nem nos kits. Cupom de desconto pra compras acima de R$500 é DESCONTOMM.

VALOR
Os marcianinhos de South Park custam APENAS 28,99 cada. Barato né? Então, você pode comprá-los 1 por 1 ou podem comprar o kit com os 5 marcianinhos por APENAS 139,99 tá barato demais essa porra! 

LEMBRANDO QUE SE VOCÊ FOR COMPRAR UM ACTION FIGURE QUALQUER DE SOUTH PARK POR AÍ, VOCÊ NÃO ACHA POR MENOS DE 70,00, O PESSOAL METE A FACA MESMO! 

Bom galera, é isso, eu garanto que vocês vão gostar muito desses action figure! para comprar, entre no link que vou deixar abaixo, assim você será redirecionado para a loja do vendedor!


A MELHOR LOJA DO BRASIL!

quarta-feira, 2 de maio de 2018

Review do jogo South Park: The Fractured But Whole

South Park: The Fracture But Whole (em português: South Park: A Fenda que Abunda a Força) é o game sobre a nova aventura de Cartman e seus amigos no PS4, Xbox One e PCs (via Steam). O jogo é uma sequência direta de The Stick of Truth e continua a saga do personagem Novato em uma nova brincadeira, desta vez como um super-herói em busca de justiça. Mas o tema não foi a única mudança na série. O título atualizou sua fórmula original com combate tático e piadas ainda mais ofensivas. Entretanto, será que as mudanças foram suficientes para dar mais complexidade ao RPG? Confira em nossa análise.



Bem-vindo ao Guaxinim e Amigos

South Park The Fracture But Whole começa exatamente onde The Stick of Truth termina. Com seus grandes poderes flatulentos, o Novato torna-se Rei e continua como protagonista, mas a brincadeira medieval é cancelada repentinamente para um chamado mais urgente.

Quando o mal ameaça a cidade, Cartman convoca o grupo do Guaxinim e Amigos para resolver um misterioso caso de desaparecimento. A ideia, que a princípio parece altruísta e inspiradora, é na verdade apenas uma tentativa dos garotos de emplacar sua própria série de heróis na Netflix.

Contudo, eles ainda têm outros problemas para lidar. Conflitos internos durante a escolha de quem teria seu próprio filme separaram os amigos em duas equipes, o que deu início a Guerra Civil entre o grupo de Cartman e os Amigos da Liberdade, que estão no comando de Jimmy.



Seja você admirador de quadrinhos ou de um humor grosseiro, South Park: The Fracture But Whole promete conquistar um público que vai além dos fãs. Não faltam piadas ou deboches nesta sequência. Heróis da Marvel e DC são mencionados a todo momento, há referências de diversos episódios da animação e a série faz ponte com o jogo no episódio Franchise Prequel da 21º temporada.


Igual ao original, só que melhor

South Park: The Fracture But Whole é uma versão melhorada de Stick of Truth. Não que o primeiro jogo não fosse bom, mas o combate deixou a desejar por se tratar de um RPG. A sequência corrige esse erro com uma mecânica mais estratégica, insere combos, árvore de equipamentos e poderes que tornam as classes de suporte bastante importantes para o equilíbrio da equipe.



Este novo South Park te faz pensar antes de entrar em qualquer luta. Há uma série de vantagens e desvantagens para se explorar em campo, por você e também pelo adversário. Aqui, efeitos negativos são uma verdadeira ameaça, especialmente se você ficar sem itens de cura ou poderes de suporte. O cenário também é interativo, o que só adiciona pontos positivos ao combate. Barris inflamáveis e fogos de artifício podem esquentar as coisas antes mesmo da luta começar.

O combate segue o mesmo padrão em turnos do título anterior, mas com diferenças significativas. Os personagens agora se movimentam em quadrados pelo campo, lembrando RPGs como Final Fantasy Tactics. E, por um pequeno detalhe, uma gama de possibilidades se abriu para o jogo.



Os ataques atingem áreas (quadrados) diferentes e podem arremessar adversários, puxar aliados para perto ou até mesmo trocar personagens de lugar. Com isso, o nível de dificuldade também aumentou consideravelmente, mas essa nova organização não foi a única responsável por isso.


O poder da flatulência

Uma das mudanças mais impactantes para a jogabilidade vem da escolha de classes. Em South Park: The Stick of Truth, o jogador podia escolher apenas uma durante a partida toda. The Fractured But Whole é diferente. Além de permitir a troca de classe a qualquer momento, combina quatro super-heróis em um só. Você pode usar os poderes de todos eles para criar combos, com limite máximo de quatro ataques, sendo um deles um golpe especial com animação.



Imagine a quantidade de estratégias que você pode montar para cada chefe. O jogador tem um total de dez classes para mesclar, habilidades de ataque, defesa, suporte e bônus para usar em si ou em seus companheiros. Ou seja, há uma liberdade e flexibilidade muito maior.

Junto com as novas classes temos o sistema de Artefatos. No lugar de armas, existem itens que oferecem bônus para atributos e ataques específicos, como dano crítico, inteligência, entre outros. O game também incluiu um jeito de chamar aliados com Invocações, como Moisés, e fez questão de desenvolver o poder flatulento do Novato para um nível além do tempo e espaço, literalmente.



Os Peidos Temporais são seu poder principal, capaz de alterar o fluxo do tempo. São usados em combate, para pular o turno do adversário, ou fora dele, para pegar itens e solucionar missões. Outra função de herói é o Modo Inspeção, que analisa o cenário e invoca outros personagens.

Ações únicas são desbloqueadas quando o Novato une seu o poder da flatulência com a habilidade especial de cada herói da sua equipe. A partir daí, surgem novas funções como Parcu (Homem Pipa) para subir em lugares altos, o Jato de Areia (Ferramenta) para limpar lava, além de outros.

A fabricação de itens apresenta o mesmo modelo de The Stick of Truth, porém, com um inventário organizado, sem uma quantidade exagerada de itens. Os objetos se agrupam em componentes para a produção de pergaminhos de Invocação, itens de missão, consumíveis e fantasias.



#AmigosDaLiberdade

A chuva de personagens é outro prato cheio para os fãs de South Park. No lado do Guaxinim e Amigos temos o Pipa Humana, Mosquito, Super-Craig, Passo Rápido, Capitão Diabetes e convidados, como a Disque-Mulher. Tweek, Mysterion e outros Amigos da Liberdade também lutam ao lado do protagonista em cenas memoráveis. Todos os outros personagens da série, incluindo o Diretor PC e Morgan Freeman, marcam sua presença de maneira única e hilária.

O menu principal do jogo é o celular do Novato, que pode ser customizado com cores diferentes e até mesmo arranhões de uso. Ao contrário do título anterior — e graças às ações malignas do Professor Caos — os personagens trocam o Facebook pelo Guaximgram, um Instagram do grupo.



O jogador se torna popular ao tirar selfies com pessoas que, consequentemente, passam a seguí-lo na rede social. Só que nem todos os moradores de South Park vão tirar fotos de graça com você. É necessário concluir missões ou realizar pequenos "favores" antes de ser popular na internet.


O Mestre do n° 2

Por mais que a história seja o ponto forte, ela também é sua kriptonita. Não pelo conteúdo, mas pela maneira linear que é contada. The Fractured But Whole não oferece alternativas para enfrentar uma missão — com exceção das táticas de combate — e tem tutoriais muito fáceis. Se você não sabe como realizar uma determinada ação, não se preocupe, o jogo simplesmente esfrega ela na sua cara.

Em contrapartida, este é um dos episódios mais engraçados da franquia. Se você procura pelo humor negro característico da animação, espere pelo pior, de maneira positiva. As piadas estão mais cruéis e ofensivas para todos os grupos sociais. A presença do diretor da escola, o clube de strippers e pecados dentro da igreja são só a ponta do iceberg da cidade. Palavrões, agressões gratuitas e brincadeiras de mau gosto são a essência do jogo.



The Fractured But Whole vai debochar do seu personagem por qualquer motivo. E para provar isso, agora o game permite que você defina uma ficha completa do seu protagonista. Você pode escolher cor de pele, orientação sexual, identidade de gênero, etnia e muito mais em cenas extremamente constrangedoras e imorais. Além de uma série de easter eggs engraçados.

O jogo implica até se descobrir que você está usando um detonado para passar. Isso acontece logo no começo, quando o Novato precisa achar a senha do esconderijo do Cartman. Se você digitar a senha sem encontrá-la no quarto ele te chamará de “babaca esnobe e trapaceiro”.



Todos os diálogos ficaram duas vezes mais engraçados com o excelente trabalho de localização. Diferentemente de The Stick of Truth, o novo game está dublado em português com as mesmas vozes da animação. Ou seja, prepare-se para ouvir os mais diversos palavrões em português brasileiro. As gírias e xingamentos foram muito bem adaptados, é quase impossível não rir.


Conclusão

The Fracture But Whole é a verdadeira experiência de South Park. O jogo está repleto de referências de temporadas passadas, traz todos os personagens que os fãs tanto amam (ou odeiam) e combina tudo com um ótimo sistema de combate tático, classes variadas e um humor mais podre que o quintal do Kenny. O game ainda peca por deixar o desenvolvimento da trama muito linear, mas você pode ter certeza que há piadas o suficiente para compensar qualquer defeito.


NOTAS
GRÁFICOS 9
JOGABILIDADE 9
DIVERSÃO 10
SOM 10

fONTE E CRÉDITOS: TECHTUDO

terça-feira, 17 de abril de 2018

Um pouco sobre a família do cartman

Eric Theodore Cartman é filho de Liane Cartman e Jack Tenorman. O verdadeiro pai de Eric é revelado nos episódios 200 e 201 da 14° temporada. Tem um meio-irmão chamado Scott Tenorman. No episódio "Merry Christmas Charlie Manson" da 2°temporada, é revelada toda a família por parte de mãe do Cartman, porém, seus nomes não foram revelados. O nome de um dos primos de Cartman foi revelado, o "primo Elvin". No episódio "Cartmanland" são revelados outros parentes de Eric e também o fato de que sua avó morreu e que ele herdou 1 milhão de dólares dela. Ele usa esse dinheiro para comprar um parque de diversões só para ele a qual batizou-o de "Cartmanland". Cartman planejou a morte do seu próprio pai para se vingar de Scott Tenorman. Porém, ele desconhecia o fato de Jack era seu pai, só depois na 14° temporada foi que ele descobriu. Quando questionado por Kyle se ele sentia remorsos, Eric simplesmente respondeu que não sentia culpa e que estava chorando pelo fato de que seu pai era ruivo.


Em "Feliz Natal Charlie Manson!", Cartman vai visitar sua família materna em Nebraska para o natal com sua mãe e seus amigos. A maioria de seus parentes se parece com ele: todos obesos com as mesmas frases de efeito. A família é vista novamente em "Cartmanlândia", no funeral da avó de Eric, quando ela deixa todas as suas economias (um milhão de dólares) para ele dizendo que o resto da família gastaria o dinheiro com "porcarias".

quarta-feira, 11 de abril de 2018

Desenhos realistas dos personagens de South Park

Bom dia galera, eu estava dando uma olhada no forum de South Park gringo, e achei esse post lá muito interessante, um dos membros desenhou os personagens de South Park realistas e tudo a mão! Desenho Kyle, Kenny, Cartman, Butters, Chef, Tweek, Craig, Token e Wendy! Vou deixar as imagens aqui para que vocês possam ver como ficou! O crédito para o desenhista está nas respectivas imagens dos desenhos.


Clyde

Kenny

Kyle

Stan

Butters

Cartman

Kyle e seu irmão

Wendy

Chef

Token

Jimmy

Craig

Tweek

O que acharam dos desenhos? Lembrando que se você desejar ver a imagem em tamanho real, basta clicar nela! 

Caso não tenha gostado da versão como ficou, pelo menos vamos dar o crédito ao desenho do rapaz, realmente ficou sensacional, e tudo isso foi desenhado a mão! O cara é um artista mesmo! 

quinta-feira, 5 de abril de 2018

South Park VS Family Guy: Guerra de Cartoons

O episódio South Park X Family Guy, na verdade são dois episódios. A história desse capítulo é que o desenho Family Guy (outro desenho que trata tudo como esculacho) resolve soltar em um dos episódios a imagem de um símbolo religioso, a imagem de Muhammad sem censura. E isso começa a causar pânico em toda a população, onde eles passam a temer ataques terroristas como retaliação pelo uso da imagem de Muhammad.



Enquanto a população teme isso, a gravadora do desenho quer soltar o episódio no ar, e isso acaba virando uma aventura para os personagens de south park, que desejam de qualquer modo que isso não aconteça.

Eric Cartman, aprontando como sempre, se passa por uma pessoa de bom coração, para na verdade tirar o desenho de Family guy do ar de uma vez por todas. O engraçado desse episódio são as cenas feitas imitando o próprio desenho de Family Guy, com seus personagens característicos da familia Griffin: Lois, Peter, Meg, Chris, Brian e Stewie. As piadas são no estilo do desenho mesmo, e de uma forma irônica os criadores de South Park aproveitam para tirar sarro falando que Family guy é um desenho com piadas aleatórias sobre assuntos aleatórios, inclusive no final do episódio eles mostram que quem cria os desenhos de family guy são uma espécie de peixe-bois, que pegam bolas coloridas aleatórias com temas distintos, e isso serve para ser criado a piada.

Esse episódio foi um dos que mais geraram polêmicas pelo uso da imagem (apesar de aparecer sempre com uma tarja Censurado) de Muhammed. Houveram diversos protestos por parte dos adoradores da figura religiosa, e inclusive um um website chegaram a ameaçar de morte os criadores de south park, Trey Parker and Matt Stone.


Os números correspondentes ao episódio de South Park VS Family Guy: Guerra de Cartoons são:

Cartoon Wars Part I – S10E03
Cartoon Wars Part II – S10E04

Se deseja assistir esses episódios de South Park, visite nosso artigo: South Park Online.